Aqui são edições, selecionadas pela owner/fundadora do grupo Amor em Palavras em 30 de março de 2004,também pode haver edições de grupos amigos.

terça-feira, 30 de junho de 2009

O que julgar?

by Catherine Roos.




Nada! absolutamente nada o que julgar!
E o que somos nós, para isso?
Nada! Somos nada, diante do que ele foi!
Ele lutou por seus sonhos,
E alguns realizou...
quantos vivem uma vida inteira e nada conseguem...

Ele se preocupou com o mundo,
será que o mundo se preocupou com ele, como ele merecia?
Será que todos, enquanto sugavam, sua juventude, sua energia, seu sucesso
e até seu dinheiro...será que em algum momento,
se preocuparam verdadeiramente com ele, como ser humano?

Não vi, não sei de nenhum outro "astro",
tenha ido ao meio do povo (como o fêz no Rio de Janeiro e na Bahia )...
Ao menos por momentos,
ele fêz aquele povo sorrir, sonhar, sem medo de ser feliz!

Ele criou seu mundo próprio e nele viveu seus momentos...
Momentos seus, de direito e de fato seus!
Isso incomodou muita gente! Isso despertou a inveja!
Ele que veio praticamente do nada, conseguiu!

Muitos que vieram, por caminhos mais fáceis, nada conseguiram...
Ele foi gente, para com muita gente!
Eu aponto o dedo para ele sim!
Aponto meu dedo, para um dos maiores ídolos da minha geração!

Ele é meu ídolo! E sempre o será!
Assim, como Elvis, para mim, ele não morreu!
Ele sempre viverá!
Catherine Roos.
-------------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
-----------------------------------------------

JUÍZES CRUÉIS

by Walterbrios








Não, ele não foi errado,
Nem tão certo,
Nós estamos do outro lado
Onde ele agora está;
Cabe a nós agora cantar,
Ou executar nosso choro arrastado,
Mas eu sei que,
Já estamos perto
De algum lugar,
Em que nós mesmos
Iremos nos julgar,
E estejamos certos,
Não há juiz mais cruel
E carrasco do que nós mesmos;
Nós é que nublamos
Nosso próprio céu.
Quem de nós
Nunca tentou
Enganar nosso eu,
Desviando o rio
Da sua própria foz,
Com medo dessa voz,
Que nos acompanhará sempre,
Quer rezemos,
Ou amaldiçoemos
E essa oculta
Julgará-nos eternamente.
Walterbrios 29/6/2009



Inspirado no poema JULGAMENTO
De Marcos Sergio T. Lopes



------------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
------------------------------------------



“JULGAMENTO”

By Marcos Sérgio T. Lopes






Fico aqui, pensando
Não quero exaltar, não
Nem mascarar imperfeições.
Quem sou eu para apontar o dedo
Acusar incisivamente.
Não sou nada!
Sou apenas um poeta
Gritando os sentimentos que levo no peito.
E esses gritam e gemem
Fazendo minha mão criar impulso
E dar razão a escrita.
Aí eu digo, na minha modéstia:
- Ele falou do sol e da chuva
E gritou as dores do mundo
Em lágrimas exaltadas
Por imagens de profunda miséria.
Questionou os campos verdes
Falou das guerras ceifando vidas
E das lágrimas da natureza
Pedindo um basta para o mundo.
Falou dos seus sonhos
Que se perderam diante da miséria humana
E fez todas as perguntas entaladas em nossas gargantas
Desde o homem, animais e natureza.
E lançou tantas perguntas sem respostas:
“E de nós?
A gente se importa?”
Não!
Diante disso não posso conceber a idéia de nada
A um homem de tantos gritos.
Veio do nada
Criou uma legião de fãs
E cantou verdades incrustadas dentro de nós.
Então, eu digo:
Quem somos nós para apontar e crucificar?
Ele foi errado?
E nós?!!!
Marcos Sergio T. Lopes
28/06/2009





--------------------------------------------


AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/


------------------------------------------

segunda-feira, 29 de junho de 2009

POEMA PARA SEMPRE A MINHA AMIGA LUDY

by Rui Pais - ( Portugal )



Queria escrever um poema condigno,
A uma Dama como tu querida amiga,
Mas nem sei se dessa honra sou digno…
Que tua alma Deus sempre a bendiga.


Sou um ser perdido por este mundo…
Levo imensos erros num fardo pesado.
A minha cruz é a de Cristo moribundo
E meu Karma um manto retalhado.


Tu és a luz dum Sol resplandecente
De coração aberto para dar amor.
Levas a fragrância de teu ambiente
Mais uma pomba branca e uma flor.


Um ser vidente e de divinas qualidades,
Vês a Terra frágil como uma só nação.
És humilde, não se te vêem vaidades…
Criatura harmoniosa e em comunhão.


Também temos muito em comum…
Como dois corações pulsando num.
Este planeta é o lar de todas as vidas
Aquelas venturosas e as pérfidas.
Rui Pais 13/11/2006
--------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
----------------------------------------------------

IRRAZONABLEMENTE...

by Audroc - ( Argentina )


Fuera del cerebro…

Sin tocar la realidad…

En un vacío lleno de esperanzas…

En el espejo que proyecta el agua…

Fuera del tiempo y del espacio…

En la onda invisible que traspasa…

En la inocente mirada de los niños…

En la fragancia de la rosa enamorada…

En un rayo de luz que llega al alma…

Nuestro Amor…

Nuestro Amor…

Avanza…!!!

En la ilusión de lo que nunca muere…

En el silencio de ecos sin palabras…

En la espera de estar juntos…

En la proximidad y en la distancia…

En la sonrisa que la herida sana…

En la mirada que acaricia el alma…

En la flor que se guarda…

En los nombres de delfines que se abrazan…

En la inocencia del que ya no espera nada…

En la paciencia que aguarda la llegada…

En el verso que sin nombrar te nombra…

En la estrella que guía en las distancias…

En la penumbra de los imposibles…

En el valor de rebelión callada…

En desafiar las leyes de los hombresy

los preceptos sociales que los mandan…

Pese a todo ello:
Nuestro Amor…Nuestro Amor…Avanza…!!!

En la fría almohada que se abraza…

En la imagen que se crea siendo nada…

En las canciones que hablan por nosotros…

que se interpreta y estalla en la mirada…

En la búsqueda infinita de dos almas…

En temporales e imaginarios enojos que,

irrazonablemente y por instantes, nos separan…

En el desafío que vence lo prohibido…

En el sentimiento que aniquila lo aprendido…

En reprimir amargamente…lo querido…

En ocultar lo sentido, sin sentido…

En el transcurso del tiempo en su destiempo…

Mientras todo esto acontece:

Nuestro Amor…Nuestro Amor…Crece…!!!

En la alegría de sentirnos juntos…

En la proximidad que acorta las distancias…

En la voracidad de sociales preceptos…

En este profundo e irrazonable sentimiento…

En la fortaleza de aquello que se siente…

En el inexplicable mundo del deseo…

En lo que no puede evitarse aunque se quiera…
Irrazonablemente…

Nuestro Amor…¡ Mi Amor…!!!

¡ Sigue Siendo…!!!

AUDROC
-----------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
--------------------------------------------

LOUCOS DEVANEIOS

by VERA HERNANDEZ



Devaneios nem sempre são loucos!
Devaneios são sonhos lindos
maravilhosos que muitas
vezes não podemos
realizar.

Sonhe...
Delire...
Procure...
Deseje...

Tenha vontade incriveis e quase insuportáveis,
mas não deixe de tê-las porque
muitos sonhos e devaneios
fazem bem a alma, ao coração
e ao nosso corpo físico.
Delírios e devaneios muito
tempo guardados fazem despertar um amor lindo e doce.
Nunca esqueça de desejar
e sonhar porque eu não considero sonhos uma...
Loucura de mim!

VERA HERNANDEZ
---------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
-------------------------------------------

Navegue

by Auber Fioravante Junior




Sem o medo dos obstáculos
que a vida oferece,
busque alternativas
quando as ilhas se tornarem
intransponíveis;
Nas mãos segure
o leme com firmeza,
levando no peito
simplicidade e humildade,
esboçando na face um
sorriso franco de quem
aprendeu a canção e hoje
navega por mares profundos,
tocando seus sinos com
sabedoria, esperança,
perseverança e atitudes
de um vencedor que traz
em sua alma a compaixão
de viver e nunca deixar
de sonhar...

26/08/2007
Porto Alegre - RS
------------------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
-----------------------------------------------

Porque te amar?

by Iara Mel


O destino selou este meu direito
Virando-me do avesso
E aos poucos me deixou
Pra que sorrir
Se em teus lábios meu sorriso era espelho
Amar-te assim,
Sentir cada minuto como o derradeiro
Deste amor verdadeiro
Que não é correspondido
E traz sua ausência
Faz de minha existência
Um instante adormecido...
É por ti
Que sobrevivo
E me arrasto entre meus próprios pedaços
Que largados ficam espalhados
Sem rumo, sem direção
Buscando no infinito azul do mar
Um leve soprar do vento
Que tire todo este tormento
E que traga você de volta
Que me faça única
E me tome em teus braços com desejo
Cobrindo-me com teu corpo nu
Saciando meu desejo...

Porque te amar?

IaraMel
Iara A. Máximo Melchor
14/06/09

Publicado no Recanto das Letras em 14/06/2009
Código do texto: T1649307
-----------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
-------------------------------------------------

domingo, 28 de junho de 2009

"NÃO CONTAVA..."

by Marcos Sergio T. Lopes




Ficou essa saudade
Estrangulando por dentro
Ficou tua imagem tão nítida
Fazendo arruaça nas lembranças
Que não se cansam de trazer você.
Ficou meu coração te pedindo de novo
Já que o enfeitiçou.
Sei que me prometeu só um momento
Que não me deu esperanças
E naquele momento também era tudo
que eu queria.
Mas tua partida trouxe a ferida
A lágrima que eu não contava.
E agora, o que faço?
Se só tenho a rosa que me ofertou
E a dor da tua falta!
Os momentos foram muito intensos
Foi loucura e ternura, imensas
Que ainda fazem arruaça em mim.
Fico torcendo que numa hora dessas
Eu consiga te expulsar da minha memória.
Nesse agora...
Só essa esperança desandada
Que me instiga e aflige
Brincando com minhas vontades
Dizendo que você pode voltar.
E, por mais que eu negue,
É tudo que espero
O tanto que quero
Já que tua partida
Continua doendo em mim.

Marcos Sergio T. Lopes

11/06/2009
-----------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
--------------------------------------------

Fantasmas de Uma Noite Fria.

(Sávio Assad)


Olhos gelados me espreitam e através
de minha alma, transpassa o silêncio.

Sinto o frio invadir meus sentimentos e corro
desesperado a procura de seus braços.

Os olhos a lagrimejar, nesta tempestade
do vazio, que se implantou no meu ser.

Sou presa fácil e queres apoderar do meu
corpo, já cansado pelo tempo, sem fôlego.

Sou o reflexo dos meus pensamentos, com
medo de estar sozinho, com medo da solidão.

Niterói - RJ - 28/6/2009

http://recantodasletras.uol.com.br/poesias/1671832

----------------------------------

AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/

-------------------------------------------------

ENTREACTO

by Emiriano Rocha - Portugal


Será que estou aqui?
O Pensamento não conhece fronteiras
daí que A Recordação prevalece
Supera as defesas Mentais
Os arquivos fractais
Onde Ela por vezes Adormece
mas jamais esquece
Estarei antes aí?

No aqui
A Emoção remove Barreiras
à Razão subtraindo o Comando
Liberta A Memória Interior
Nossos astrais direccionando
Ao nutrir do Amor

No aí
A vida se assemelha
o quotidiano parece comandar
mas tua mente se dissemina
teu coração
não pára de pulsar
evoca do amor sua canção...
Estarás antes aqui?

Quando aqui e aí
musa te conheci
nossos caminhos se cruzaram
Teu coração absorvi
e nossas emoçoes se unificaram

No Espaço Tempo
Teus lábios esboçam os meus
chupam, lambuzam ... exploram ...
Nossas linguas se saboreiam com fervor
Enquanto Nossos sexos se devoram
Se incorporam.. . evaporam
Num enérgico e eterno fulgor

será que estamos aqui?...
estaremos antes aí??...
ou o Ali é Nossa Resposta???

Perdidos entre o tempo e o espaço
esperança ... alguma...
afaga cada momento
Ansiando aquele Abraço
E como o som ao Vento
Na areia se espraia
Entre o Sol e a Lua te tateei
o Sentir se resguarda na bruma ...
Sonorizando o desejado momento
Entre o aí e o aqui
Tua presença semeei
Será que ...
Afinal estamos no Ali
E Finalmente Te encontrei???

AUTOR ... EMIR (EMIRIANO ROCHA)
23/05/2008
Portugal/Lisboa

---------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
--------------------------------------------

Saudades

by Marly Meneghetty



Dói o peito,
Sinto o coração sussurrar,
Tu longe, tão perto...tão sentido...
eu aqui sem poder te tocar
Mas com a certeza
que num amanhã tão próximo
iremos nos reencontrar...
Te Amo!
Beijos do meu para o teu coração...
Marly Meneghetti

Gravataí/Rs
29/06/09
1:27hrs
--------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
------------------------------------------

sábado, 27 de junho de 2009

CRÔNICA DE REPÚDIO

Reny Carvalho


Em repúdio e não me reportando a textos e “balelas” sensacionalistas, exprimo aqui, a opinião, de forma a sedar aqueles que malogram a humanidade indefesa.

Com o respeito que reservo aos amigos e leitores, pronuncio com um misto de orgulho e resignação as contra-especulações de inescrupulosos escritores, sejam jornalistas ou juristas, quanto ao falecimento de Michael Jackson.

Um artista. Um mito. Ícone completo. Invejado. Amado...

Como regra geral de vida, o caráter e a dignidade construída ao longo de uma caminhada ladeada pelos pais nos dá base para indignar-se com performances duvidosas de um mínimo de fineza na educação adquirida.

A morte de Michael Jackson foi cercada por mistérios. A imprensa sensacionalista injeta veneno na opinião pública para, contudo, chamar atenção e assim, aproveitar-se de mentes céticas e influenciáveis e adquirir o famoso “IBOPE”.

Não se fala na dor da família, na dor da perda. Simplesmente, especula-se...

Concordar ou discordar é um mero detalhe. A diferença é, no entanto, usar de uma pedestal intitulado de ‘respeito’.

Como de costume, sempre aparece algo para azedar e “sujar” facilmente a dor alheia. E isso iniciou a labuta dessa escrita.

- Que assim seja - Um protesto!

- Quem, em sã consciência, pode falar mal da vida de uma pessoa que somente agora, vive? – só para exemplificar:
Vivia para o público;
Infância roubada à luz do dia;
Espancado e maltratado pelo pai;
Responsável pelo sustento da família com apenas 06(seis)anos! (pasmem!);
Não foi comprovada a maledicência em torno do seu nome;
A principal função era a de enriquecimento ilícito das supostas vítimas;
Indenização era o alvo principal e não a dignidade;
Viveu em um mundo que desconhecia;
Era humilde sim!
Uma criança grande...


Nessa descrição, ajusto aqui o seu carma, que percorrido pelo mundo, sentia a felicidade brotar no palco. Esse era a sua casa de fato. Tentou ser gente, mas não conseguiu.

E ainda hoje, depois de tudo, ouço, aqui a rondar em meus ouvidos, afirmações tímidas e incrustadas de maldade para autopromoção, que o artista não era exemplo digno... Digno de que? Quem aqui é digno de algo mais que ele? Somos iguais perante Deus.

Agora me vem a maior dúvida: quem sois vós, ó abutres promocionais, a ter a ousadia de falar... Que fizeste da tua vida como arte? Que legado deixará? Que nome teu será lembrado? – e nessa negativa, abaixa-se a cabeça...

Não suporto nem de longe, ouvir agruras de formadores de opinião (como assim se intitulam) – para mim são paradigmas mentais.

Uma regra geral da vida no convívio social é a personalidade marcada por faculdade de tensões nos conflitos pré-existentes. Não tenho muito tempo para dispensar frente À TV, mas, outro dia, ouvi de uma cantora (reservarei o nome), quando foi indagada sobre a maldade da língua alheia – “Sinto inveja e pena dessas pessoas – inveja por não ter o tempo dela e pena por desperdiçarem esse precioso tempo com idiotices e bobagens que não levam ao crescimento pessoal.”
Essas pessoas convivem em uma indesejável sociedade de adversários em que todos litigam contra todos, o tempo todo.

O que me vem à mente são sempre os valores que cada um defende para si como princípios básicos de caráter e qualidades intrínsecas.
Isso implica em um cinismo social de verdadeiros atores em que vivem uma vida de glamour e sambam de sapato branco na lama.
Pronto. Publiquei aqui a minha indignação com os abutres de plantão.

Meu pedido?

Respeito àqueles que não podem sequer se defender. A morte é algo que se desconhece e não deve ser desafiada.
Que ajam dentro dos critérios de humanidade, tendo princípios de boa fé.
É o meu pensamento e desejo.
Sempre com todo o respeito, arriscando ser ingênuo,
mas não me deixando levar pelo receio da tréplica.

------------------------------------------------------------

AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/

------------------------------------------------------------------------------

Como se não bastasse...

Príncips>ArtbyReny Carvalho


Não bastasse a intolerância comprovada de sua infância,
em que, buscava pelos palcos da vida, a própria fuga do meio em que vivia;

Não sendo bastante o legado de energia maior e pesada a ti incumbida
para dissipar tantos ‘cegos’ em tantas camadas da moralidade humana;

Não bastante a insana idolatria e repercussão de uma vida de ilusões,
de interesses mundanos dos que se travestiram tantos ‘amigos’;

Não fosse suficiente a tirania de tantos, que evocaram princípios de moral
aos quais não detinham para vos atacar durante essa tua passagem;

Não bastasse os próprios erros humanos, em que somos reféns para nossa
evolução íntima e individual na dolorosa escalada da vida;

Não houvessem bastantes críticos no legado histórico da arte contemporânea
em que deixaste fundamentada sem dúvidas por esta fonte terrena;

Não bastasse tantos hipócritas, que nos deparamos na mesma terra em que
caminhamos lado a lado deste porvir que tanto se espera;

Ah, se não fosse o bastante as lágrimas derramadas à surdina pela própria
insignificância do homem, seja ela qual for no momento solitário de sua pequinês...

Ah, se porventura, não bastassem os altos e baixos das depressões sociopatas
de instintos aos quais estamos submetidos pela própria estatura moral;

Se não bastasse, a sede que nos toma o prazer, ainda que seja do próprio ego,
fundamentos de beleza e da satisfação íntima e material;

Ora, que não se bastasse, os dias de falência da fé, a decadência de nossa saúde
ou, as portas da velhice e não bastasse ainda o naufrágio dos valores morais;

Não fosse o bastante, a própria dor e o anestésico que lhe rouba e toma
a vida precoce e negligentemente;
.
Se não bastasse tudo isto...

Lá, do além...

Do fundo dos infernos,
hão de se levantar as vozes desocupadas e insensatas,
as vozes da desinformação,
as vozes da perseguição, vozes da própria insignificância para vos acusar...
Porque os loucos esbravejam de sua loucura,
Vomitando do que está cheio em ódio,
tal qual de veneno está cheia a própria alma;

São conhecedores de causa iguais ou piores daquilo que reduzem a termo,
pois: que se fala do que se conhece...

E que se comete crime, aos quais não preciso elencar, mas não
obstante a tudo isto, - É te cerceada a defesa pelo calabouço da sepultura...

Que lhe seja oferecida a Paz, quem não puder fazê-lo,
Nada faça!
---------------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
-----------------------------------------------------

Regálame Esta Noche...

by -Audroc- ( Argentina )


Regálame esta noche poblada de misterios,
para sentir tus labios, amándome, en silencios...
Regálame esta noche, y ante Dios te prometo,
que será inolvidable su recuerdo y su fuego.

Regálame esta noche que proyecta el ensueño,
de tenerte y perderte, en el primer encuentro.
De conocerte toda, sin conocerte nada.
De sentir que eres mía, pese estar tan lejana.

Déjame ser la llama que te penetre el alma.
La brisa que acaricia y que luego se marcha.
Deja que mis espumas se mezclen con tus aguas
y la mar las arrastre, hasta olvidadas playas.

Regálame esta noche poblada de misterios,
para sentir tus labios, amándome en silencios...

Eleva ahora tus ojos y mírame por dentro.
Examina la herida que tus manos abrieron.
Toca mis pensamientos sin pensar que te pienso,
y dime: adiós, llegando, en tanto vas partiendo.

Regálame esta noche, y ante Dios te prometo,
que será inolvidable su recuerdo y su fuego.

Desnudemos los cuerpos de ropajes de duelos,
y dime que te quedas, mientras te marchas lejos.
Juguemos a mentirnos, que el presente es eterno
y la noche no acaba, aunque el sol va naciendo.

Regálame esta noche, en que te tengo y pierdo,
porque presiento dentro que al despuntar el día,
perderemos el alma, para ser sólo: "cuerpos".
-----------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
------------------------------------------------------

Minha namorada

by *Falcão S.R*
Neste dia dos namorados
Com muito carinho vou te levar
Para o verde de uma linda floresta
Onde a Natureza em festa vai te homenagear.



Lá, o azul do céu é tão divino
Que têm fadas a nos espreitar
Porque o nosso amor é mais lindo
Que o brilho das estrelas à luz do luar.



Ao longo do verde caminho
Raios de luz vão te iluminar
E pássaros com muito carinho
Farão uma sinfonia para te encantar.



Às margens de um rio murmurante
Verás lindas flores desabrochar
E da fonte cristalina e brilhante
Beberás água sagrada para te purificar.



E no centro da floresta encantada
Onde um lago azul espelha a
NaturezaSaberás o quanto és adorada
Por meu amor tão singelo, mas repleto de grandeza.



À sombra de uma árvore frondosa
Com galhos em forma de cruz
Farei votos de amor eterno em preces fervorosas
Tendo como testemunhos a Natureza e o Sacerdote Jesus.



Então o sol estará mais bonito
Reluzindo no infinito do céu
Entregar-te-hei minha alma sorrindo
E beijarei com ardor...
Teus lindos lábios de mel.

http://www.luzdapoesia.com/

-------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
--------------------------------------------

segunda-feira, 22 de junho de 2009

SUAVIDADE DO MAR

Vera Hernandez



Se é doce morrer no mar,
isso não sei...
Só se for de amor.
Num mergulho profundo...
Fizemos amor
em baixo d'água...
Por cima das ondas...
Na rebentação...
Onde bate a suave marola...
Na areia molhada...
Fizemos desse louco amor,
estranhas orgias sexuais.
Nos percorremos
com a água salgada...
Quanto mais salgada essa água...
Mais doce esse amor.
Amor bem vivido esse.
Doce mistério.
Que nenhum dos dois...
Jamais poderá explicar...
Quem amou mais...
Se fui eu...
Ou se foi você!
Essa suavidade do mar...
Esse amor doce
misturado com o salgado das águas...
São loucuras de mim!

PS: EU TE AMO

Vera Hernandez
veramhernandez@yahoo.com.br

-----------------------------------

AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/

------------------------------------------------

quinta-feira, 18 de junho de 2009

PROIBIDO

By Hélio Galvão




Quem sabe um dia...
Terei o direito de saber que é minha
E sentir dentro do peito
a volúpia de uma paixão.
Sem o falso preconceito de te amar em vão.


Quem sabe um dia.
Irei buscar o proibido
Mais sabendo viveria
Na ilusão de que teria o encanto perdido.



Quem sabe um dia
Estaria em meus braços.


Abraçando o teu abraço.
Dentro da noite, ou de dia
Terminando minha orgia
Contemplando a ilusão
Que tortura o coração



Quem sabe um dia
Vou buscar na esperança
Teu sorriso de criança
Teus cabelos tão sedosos
Os carinhos, carinhosos
Para encher a minha vida



Quem sabe um dia.
Vou buscar em teu abraço, e sentir no teu regaço.
Solução para este amor
Pois, no encontro desta dor.
PROIBIDO ,PROIBIDO
Hoje é o meu mar perdido
Consumido de paixão;



Autor: Helio Galvão
Reg. Titulos e Documentos 5º.


Oficio em 12/02/1963



------------------------------------


AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/


-----------------------------------------------

Vivir y soñar - Tradução by Rosenna

by Catherine Roos.


Soy como la noche...
Tengo mis misterios...tengo mis deseos...
Soy como el día...
Soy clara, transparente, tan verdadera,
Que llego a ser indecente!
Sigo por la vida...
Sigo un rayo imaginario,
Um rayo mágico...
Persigo las estrellas del día,
Quiero la luz de la luna en la negritud de la noche,
Me surge el alazán de la noche,
Su nombre no lo sé...
Lo monto...
Recibo en el mirar el brillo de las estrellas,
En los labios...siento la frescura de la noche...
Al amanecer...veo el sol brillar,
Y con su calor, mi cuerpo viene a confortar...
La tristeza, mandé a viajar
Y la alegría invité a quedar..
El dolor se manifiesta,
Sin embargo conmigo,
no vale la pena querer criticar...
Aprendí a superar...
Aprendi a amar,
Aprendi a no llorar más...
Y así, con el día,
Y así con la noche...
Aprendí a vivir,
Aprendí a soñar...
Con mi deseo por la vida...
Mis sueños voy a conquistar...


---------------------------------------

AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/

--------------------------------------------------


Viver e sonhar

by Catherine Roos.


Sou como a noite...
Tenho meus mistérios...tenho meus desejos...
Sou como o dia...
Sou clara, transparente, tão verdadeira,
Que chego a ser indecente!
Sigo pela vida...
Sigo um raio imaginário,
Um raio mágico...
Persigo as estrelas do dia,
Quero o luar na negritude da noite,
Surge-me o alazão da noite,
Seu nome não sei...
Faço-lhe montaria...
Recebo no olhar o brilho das estrelas,
Nos lábios...sinto o frescor da noite...
Ao amanhecer...vejo o sol brilhar,
E com seu calor, meu corpo vem confortar...
A tristeza, mandei viajar
E a alegria convidei a ficar..
A dor se manifesta,
Porém comigo, não adianta querer malhar...
Aprendi a superar...
Aprendi a amar,
Aprendi a não mais chorar...
E assim, com o dia,
E assim, com a noite...
Aprendi a viver,
Aprendi a sonhar...
Com meu desejo pela vida...
Meus sonhos vou conquistar...
------------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
-------------------------------------------------------

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Uma carta de amor

by Candy Saad


Quando abri aquela carta
O seu perfume no papel
fez-me viajar até você.
Senti sua essência bem perto de mim
Quanto carinho enviaste num pedaço de papel
Dissestes tudo que eu precisava
Li , reli ,até decorei
Dormi com aquele cheiro
e com seu amor eu sonhei
Sua carta será guardada na minha caixa de "amor"
e quando bater a saudade
a lerei muitas vezes...
sentirei seu cheiro
viajarei nos seus beijos
para amenizar a saudades
que sinto de você ,meu amor

Publicado no Recanto das Letras em 06/06/2009
Código do texto: T1634887

----------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
-------------------------------------------


DESDE SIEMPRE...

by Audroc - Argentina -


Desde los vacíos compactos de silencios...

Desde la angustiosa soledad de la estridencia...

Desde las honduras de una llaga abierta...

Desde el primer canto de albatros al naciente...
Desde la sal guardada en una lágrima doliente...

Desde el ángulo de luz del universo...

Desde el vértice de sombra de la muerte...

Desdela hirsuta palabra que nos hiere...

Desdela caricia, en brisa, de tus manos...

Desdela sílfide imagen que venero...

Desdeun cáliz de luz, de barro y viento...

Desde vacías cuencas que solo ven por dentro...

Desdela loca cordura de los sueños...



¡ Te Amo y Siento...!



Desdeel amanecer hasta el ocaso...

Desde la tierra al centro, hasta el más alto cielo...

Desde la parálisis que al cerebro apresa,en un único y profundo sentimiento...

Desdeel vuelo de un ave y una estrella el destello...

Desdemanos unidas hasta el más cruel silencio...



¡ Te Amo y Siento...!



Desdela inconmensurable latitud nunca encontrada...

Desdeel Amor que guarda en el secreto: alfa y omega...

Desdeel lagar de embriaguez que limpia el polvo...

Desdeel istmo que nadie ha imaginado...

Desdeun músculo sangrante y en llamas...

Desdela fe de una oración que clama...

Desdeel tiempo sin tiempo de la espera...



¡ Te Amo y Siento...!



Desdepléyades con soles augurales...

Desdelos fuegos de un Vulcano enamorado...

Desdecada reír y cada llanto...

Desdela matriz pretérita de inmemoriales tiempos...

Desdela profética sombra de un mañana...

Desde alabanzas de ángelus y salmos ...

Desdeel primer momento y el postrero...



¡ Te Siento y Amo...!

Desde la perpendicular que busca su angular apoyo...

Desdela elipse que nos cierra dentro...

Desdeun pentagrama con signos en perpetuo...

Desdelas melodías entonadas al viento...

Desdecementerios sin cruces y sin muertos...

Desdematrices que iluminan nacimientos...

Desdeque el barro se volvió simiente...



¡ Te Amo y Siento...!



Desdeconfines sin espacio y tiempo...

Desdetus ojos, donde tu alma leo...

Desdeel cristalino brillar de los ensueños...

Desdeel corazón, el alma, el cuerpo y mi cerebro...

¡ eternamente...!

¡ Yo te Amo y Siento...!
---------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
----------------------------------------------

O Solo do Gavião

by Auber Fioravante Júnior




Voa gavião dos tempos
faça do teu solo um arranjo
único, destemido, criando com
tua sombra umbrais e canteiros
d’onde no amanhã irá desabrochar
toda a sabedoria, ensinando,
renascendo, para teus seguidores
em forma, cor e vestindo em
cada um a razão para
se ter emoção!

Ah! Gavião dos ventos
faça do teu sobrevôo;
mistérios, segredos a
serem desvendados
nos trigais da jornada
cumprindo o balet
de cada alvéolo,
de cada berço,
alinhavado na fé!

Ah! Gavião de todos nós
voe, sobrevoe, alimentando
teu legado, tua linhada
com verbos, bemol’s, sustenidos,
cantarolados em tua viagem
pelas montanhas do saber e
pelos campos do sempre querer!


24/08/2007
Porto Alegre - RS

----------------------------------------------

AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/

-------------------------------------------------

Quando me enamoro

by Rosangela Aliberti






É bem verdade, que o mais puro carinho
é cândido e... sacana. No linho no rio
e fora do leito. Nas mãos, espinhos e rosas
numa das asas rubras flui uma paixão rubra
e... na outra, de dia os sonhos escurecem
o amor não morre de medo, amar não mata.

Rosangela Aliberti - jun/09
---------------------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
--------------------------------------------------

terça-feira, 16 de junho de 2009

O QUE NÃO QUERO...

by Wilma Lúcia


Continuar caminhando,
sem ter alguém,para ouvir
e falar, só caminhar...
Escutando o canto
dos pássaros,sentindo
ainda o sol que só ele
com seu calor me acarinha.

Caminhando para sentir
que estou viva!
Esperando a noite chegar
para dormir e acordar
com alguém a me chamar
para não me sentir tão só,
para que possa também sorrir.

O que quero é um carinho,
um afagar de cabelos...
Amando e vendo feliz quem amo...
Mesmo sabendo não ser amada.
Não quero esse vazio tão cruel.

Meu ser inteiro chora,clama
aos céus, que eu saiba e aceite
para assim aprender a viver...
O que a depressão já corroeu
da mente e do meu coração!

Quero a cura e libertação .
Deus há de me dar a consolação
que só Ele sabe qual e quando será!
Pois hoje me sinto como louca
sem forças nem para gritar
me ajudem!!!

Wilma Lúcia
---------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
---------------------------------------------

Quero-te...Vem!?

by Iara Mel


Teu olhar doce invade e arde
Faz minha pele queimar em chamas
Meus sentidos não obedecem
É meu corpo que cede
Tento por várias formas esquecê-lo
Impossível tentativa de renovar o dia que amanhece
Na ânsia louca sentir tuas mãos
Explorando, desvendando meus segredos
E me entrego novamente a devaneios
Sinto o pulsar de teu peito de encontro ao meu
Exalando o perfume que entontece
De seus lábios, palavras que me enlouquecem
Perturbando sentimentos que adormecem
Bebo de tua boca, o sabor do mel
Misturado ao gosto do amargo do fel
Invadindo minha alma
Neste escuro breu
È quando te devoro com meu pensar
Fazendo tua sua sede em meu corpo saciar
Numa vontade inconseqüente
Do teu jeito moleque
Amando-me docemente...
Devoras-me com teu doce olhar
Enquanto entrego-me sem pensar
Esqueço cada instante
Quero-te insistente
Sem nada temer
Quero ontem, hoje e sempre
Sentir junto a ti
Um delicioso estremecer
De prazer

IaraMel
Iara A. Máximo Melchor
17/06/09

Publicado no Recanto das Letras em 17/06/2009
Código do texto: T1652742
------------------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
-------------------------------------------------


O escolhido

by Marcos Sergio T. Lopes



Vou ao encontro da luz
Energia profunda que me culmina
Trazendo seu restilo para ficarem cravados
Renascendo em mim forças sucumbidas
É a energia cálida e resplandecente
Entrando por minhas veias
É o universo complexo
Que irradia em mim
Fazendo-me seu instrumento.
Sou agora mais que um corpo
Sou mensagens e todos os seus gritos.
Força imponderável e concebida.
O elo INDUBITÁVEL
A boca escancarada dos planetas
A convergências das civilizações
E seus amplexos.
Deixo-me ser coesão e amplidão
A palavra dita
A expressão emergente.
E assim; nessa colisão
Sou forças escorridas pelos meus lábios
E seus brados implorando para serem ouvidos.

Marcos Sergio T. Lopes
06/03/2009
------------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
-----------------------------------------------------

COVARDE...

by MARIA MARTA CARDOSO


Você não falou, não lutou,
calou, se trancou.
Preferiu sucumbir como um suicida
a essa maldita dor.
Não gritou, não explicou,
não lutou, não esperneou, não escutou, não voltou.
Orgulhoso, covarde, fraco, egoísta.
Não pensou no sofrimento alheio .
Preferiu a inêrcia, o silêncio injusto dos covardes, o vazio, a dor.
Desproviu-se das emoções, da misericórdia,
do perdão, do bem que é o amor, de tudo que era bom.
E finalmente mergulhou fundo na dor, na solidão
na discórdia, na apátia, no desalento, no desamor,
e se fechou.
Sem sequer pestanejar fechou seu
coração, não deixou transparecer suas emoções.
Quis esconder as lágrimas, mas
chorou...
chorou em silêncio, chorou, e de repente
calou...
caiu...
se entregou...
e assim ficou...
Depois de algum tempo, levantou e
transformou.
Vestiu uma capa, colocou
uma máscara e assim ficou
De que adiantou, se
hoje todos os seus lamentos são
só de dor.


22/08/006
MARIA MARTA CARDOSO
Publicado no Recanto das Letras

------------------------------------------------

AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/

-------------------------------------------------

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Confidencias


by Marcelo Romano - Salta



Sueño agitando abismos
en confidencias dolientes
encarnadas..,viscerales
en momento enajenado
que trasunta
espacios y tiempos ....
Confidencias...,de lejano día
remuerde mi conciencia
fantasmal te presentas...
impúdica me cuestionas...
aquellas palabras....
Como te atreves a enrostrarme
a cuestionarme si te di
mi confianza , mi secretos ...
detalles de mi vida..,
hoy hundes en mis llagas
tu largo dedo fino
desangro de dolor...
lacerante y agudo de ver muerta
mi confianza....

MARCELO ROMANO
Salta-Argentina
http://www.locurapoetica.com

----------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
--------------------------------------------

sábado, 13 de junho de 2009

Hoje....

by Marly Meneghetti

Poderia te dar tantas coisas....
Carinhos...
Presentes...
Desejar - te felicidades,
no entanto posso ofertar- te Rosas
Brancas,
Amarelas,
Azuis,
Vermelhas....
cores do nosso Amor,
que fluíu tão doce e intenso,
aos poucos...
coloriu e formou o Arco_iris
mais sublime que já vi,
não posso chorar com tua ausencia,
sei que estás mais presente
que a claridade do Sol...
ao meu lado...Sempre...
Mas não posso sorrir sem sentir teu calor,
teu abraço,
tuas palavras de carinho...
sempre a me confortar, me amparar,
me fazer reagir diante das minhas fraquezas,
Sei até que tu de onde estas tenta...
Mas para mim, é quase que impossivel
pois o importante é ter você Aqui...
Te Sentir....
Te Amar....
Beijos do meu para o seu coração!
Te Amarei Sempre....

Marly Meneghetti
Gravatai/Rs
12/06/09
3:11hrs
-----------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/

Palavras de Amor

by Auber Fioravante Júnior


Silêncio,
Ah! Meu silêncio,
faça-te presente em tuas harmônicas,
adentre pela nostalgia destes tortos versos
revelando-te pela voz das escrituras,
trazendo pela brisa a diva, a musa,
nesta noite sem luar!

Encastelando detalhes,
entalho em verbos
o momento em que fechaste os olhos
deixando-te cavalgar pela paixão
de um avesso soberbo
vindo pelo silêncio do teu murmúrio,
único, majestoso!

Movendo contas,
ergo em brumas,
o instante em que abriste o peito
desfrutando-te do navegar pelo amor,
de um anverso sutil,
oriundo da meia luz do teu toque,
impar, sublime!

Penumbra,
Ah! Minha penumbra,
envolva-me em tuas nuances,
rodopie pelo saudosismo
abrindo-te pelo som das estrelas
tatuando pelas nuas paredes
a menina, a mulher, a sedução
que se faz poesia!


09/06/2009
Porto Alegre - RS

--------------------------------------

AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/

-------------------------------------------------------

SENHORA DOS DIAS MEUS

by Marcos Sergio T. Lopes

Minha senhora,
Tenho tantas coisas guardadas em mim
Tantas palavras travadas na garganta
Coisas prá te dizer
E que nem sempre consigo.
Senhora dos meus sorrisos
Que pulsa meu coração
Numa emoção plena
Que tu sabes como proporcionar.
És um sonho inteiro
Todos os meus anseios
Estando comigo pelos dezembros até os outros janeiros
Minha companheira de todas as horas
Que deu a mim o melhor de ti
Fez de mim, tudo que sou.
Senhora das primaveras,
De tantas quimeras,
Dos afagos de invernos
Meu sol de verão.
E tudo que digo é tão pouco
Pelo tanto que significas prá mim
E se sou feliz
É porque tu me ensinaste sorrir.
Nunca te afaste senhora,
Não saberia ser vida
Sem que esteja no meu caminho
Teria uma falta de rumo
Que só encontro com tuas mãos nas minhas.
Seja agora e sempre, minha doce amada
E, saibas que não existe beleza maior que a tua
Nem aconchego maior que teus braços
Para expulsar o cansaço dos anos
Que agora já se faz tarde.
Mas isso não importa:
Nem os teus
Muito menos os meus...
Cabelos brancos floreados.
Estamos juntos, senhora!
E isso é o melhor presente
Que Deus me deu.

Marcos Sergio T. Lopes – 10/06/2009

--------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
----------------------------------------------------

Desejos

by Marly Meneghetti
Entre tudo...

todos os desejos
que existe em uma vida,
hoje era te ter ao meu lado,
juntinho de mim como em todos os anos que vivemos juntinhos,
nada te substitui,
nem nos momentos da minhas alegrias
eu consigo tirar tua imagem,
e teu carinho do meu pensamento,
Agradeço ao Papai do Céu o dia que ele me ofertou você,
recebi com maior carinho,
e hoje me sinto sozinha,
poie ele mesmo tirou você de mim...
Sei...
até ás vezes entendo que foi por necessidade,
mas não consigo aceitar!
Te Amarei eternamente viu!

Beijos do meu para o seu coração!
Marly Meneghetti
Gravatai/Rs
3:02hrs
12/06/09


---------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
----------------------------------------------


Um poema Para você

by ABittar

Um poema
Para você
Que todo dia
Tem o trabalho de ler
O que escrevo
Para que você leia
Que às vezes diz
Que gostou
Que sempre me incentiva
A escrever mais e mais
Um poema que não só agradeça
Mas que lhe enalteça
Pois sem você
Eu também não existiria
Que seria do poeta
Sem o leitor
Obrigado Amigo
Obrigado amiga
Por suas palavras
Obrigado
Por sempre estar comigo
Porque eu sempre
Estarei com você
Em poemas que só você lê
ABittar
poetadosgrilos
-------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
---------------------------------------------------

Traduzindo Fantasias

by Auber Fioravante Júnior


Na janela,
a ocular testemunha!

No ambiente, vidas se entrelaçam
em sons, em sabores,
o prata cor trazendo na essência,
sentidos e sentimentos, vindos
de um oriente mais do que místico,
a paixão, o estereotipo da lágrima
seduzida, apaixonada!

No bailar das mãos,
ensejos e desejos
traduzem-se em fantasias,
em cada gesto um epigrama,
nutrindo a murmurante canção,
entre caricias e abraços
uma nau de prazeres e afinidade,
entre beijos e afagos,
a melodia do amor
plenitude, erupção!

Na janela,
a cortina esvoaçando!

18/01/2009
Porto Alegre - RS
---------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
------------------------------------------------------

TRINCHEIRAS DO AMOR...

by Paulo Nunes Junior
E, entre campos,
corro em busca da luz que me faz sorrir e viver,
sobre as pedras machuco-me.
Exausto...continuo em busca de ti.
Em uma corrida contra o próprio tempo
lanço-me neste turbilhão de emoções incertas...
Procurando desesperado pelo encontro de meu viver,
de minha fonte de esperança,
algo que me faça acreditar
que poderei ser feliz novamente...

Depois, com os pés em chagas tropeço em ti.
Dá-me tuas mãos levantando-me do chão...
Dei-me água para a sede,
sombra para o meu repouso,
com teus lábios forneça-me o alimento
tão esperado de minha alma!

Agora, contigo quero percorrer o universo,
as pedras não mais me farão ferir,
o fogo não mais me derrotará,
os furacões não me farão medo,
pois, contigo enfrento tudo de frente,
prostro-me diante de tudo,
agora como guerreiro
que sai de dentro de teu peito.

Ao nosso redor reconstruo nossas trincheiras de amor,
para nos proteger daqueles que tentarem nos ferir.
Viveremos intensamente o calor de nossa paixão,
de corações.
Enfim entrelaçados e de almas gêmeas...

Pártamos rumo às estrelas
que se fazem nossas companheiras, irmãs...
Peçamos aos anjos safiras que em seus braços
nos transportem para o nosso castelo de amor.
Impenetrável,
onde de portas fechadas para o mundo
viveremos de forma triunfal tudo...
este sentimento único.

Sou teu, tu és minha...
pela eternidade se fará, enfim,
nossa grande história de amor,
somos eternos, pois somos amor!

Paulo Nunes Junior
---------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
----------------------------------------------------

SAUDADES

by Maria Marta Cardoso
Saudades...
De que?
Dos dias de sol.
Das noites de luar.
De poder contar com você,
com os seus conselhos.
Desse nosso lugar.
Saudades dos seus lábios,
do seu corpo,
de sentir seus afagos.
Saudades até
de suas reclamações,
de seu mal humor
quando contrariado.
De dormir a seu lado,
de
acordar com você.
Saudades
dos nossos sonhos,
dos nossos planos.
Saudades
De ter você nos meus dias.
De poder contar com
você nas minhas noites.
Agora,
os dias parecem não
ter sol
e minhas noites
estão vazias.
Não consigo mais sonhar.
Meus lábios chamam
os seus.
Meu corpo está a
te esperar...
E de tanto esperar,
não consigo mais
raciocinar
e
nem ver beleza
nesse tão
nosso lugar.

MARIA MARTA CARDOSO
Publicado no Recanto das Letras
------------------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
-------------------------------------------

AUSENCIA...


by -AUDROC-

Como duele la luz que has ocultadotras el velo silencioso del recuerdo.
Llevas la imagen perdida del desveloy la lágrima amanecida de un pasado.
Badajo sin campana de estridencias.
Pájaros mustios sin alas y sin cantos.
Eco enmudecido por distancias.
Sombra inmaterial que causa espanto...
Vacío de esas manos anheladasque se estrecharan unidas en los sueños,
vueltas sin causa, en temblor de búsqueda,al impotente esfuerzo de encontrarlas...

¡ Ausencia...!

¡ Ausencia...!

¡ Ausencia...!

¡ Te Maldigo...!

Pues en esta finita temporalidad humana,
¡ Siempre has vencido...!

---------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
------------------------------------------------

quarta-feira, 10 de junho de 2009

Oração, para os meus, para nós, para todos...

by Catherine Roos.
Senhor,
Quase todos os dias eu falo contigo,
Quase sempre é para pedir por mim, pelos meus, por amigos e amigas,
As vezês também agradeço, as vezes só falo contigo por pura vontade de falar...
Assim...eu acho que o Senhor, já está acostumado com meu jeito,
Quero primeiro agradecer por mais esse ano que se finda...
Quero agradecer pelas conquistas...pelos objetivos alcançados...
Quero agradecer até mesmo pelas dores sofridas,
Pelas lágrimas derramadas...se passei e passo dores...
isso representa que ainda estou viva!
Vou galgando as culminâncias da vida...
E claro, Senhor...
lembro das pessoas que estimo,
das pessoas que gosto, das pessoas que amo...
E é por essas pessoas amadas
e queridas que venho nesse momento a ti, Senhor!
Amado Senhor...olhe por essas pessoas!
Estenda sua luz, seu brilho celestial, a sua benção,
para essas pessoas...
para minha família, para meus amados amigos e amigas...
Meu Senhor... posso aparecer indiferente a certas coisas...
Mas o Senhor que tudo sabe, que tudo vê...sabe que sempre
estou atenta a tudo e a todos...apesar prefiro ficar em silêncio...
E em meu silêncio, acredito fazer-me entender diante de ti!
Te levo sempre dentro de meu coração e mente!
Tu sabes, senhor que por ti tenho não só temor...
mas acima de tudo lhe tenho respeito,
e dentro desse respeito está todo meu amor por ti!
Obrigada Senhor, obrigada por me ouvir,
obrigada por permitir que eu chegue à ti!
Obrigada por me fazer humana e por
me fazer sentir sua presença!
Senhor...cuidando dos meus sei que eles serão felizes,
e todos os meus estando felizes, eu também estarei!
Obrigada, Senhor!
Catherine Roos.
------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
---------------------------------------------

Deleitosas Efemeridades

by Tadany



A jovem viúva que me enrolou no seu sofá para esquecer sua dor
A perdida menina que no banco do parque não me perguntou se eu a amava
A viciada de plantão, que por uma noite de amor, trocou uma seringa por meu calor
A noviça excitada, que no entrelace de nossos corpos, um terço em meu peito recitava

A feminista entusiasta que aos pés de minha cama deixou sua reputação
A executiva poderosa que virou escrava de minhas carícias
A senhora comum que no fogo do prazer quis apoderar-se de meu coração
A artista de meus sonhos que quase roubou minha liberdade ao mostrar-me suas delícias

A viajante aventureira que no chão do meu cantinho quis fixar sua tenda
A dama delicada que esqueceu sua nobreza quando rolamos pelo gramado do jardim
A deusa do amor que por intermináveis noites nos meus braços fez oferendas
À todas que me brindaram seus amores e que levaram um pouco de mim

Com elas aprendi todos os pecados que a maçã do amor havia guardado
Vagando por um caminho recheado de belezas e de um desejo exaltado
Onde os segredos da sedução, da entrega e do prazer foram revelados
Em momentos onde a efêmera flecha do cupido nos deixou encantados.
(Tadany – 07 03 09)
------------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
-------------------------------------------------------

SILÊNCIO GRITADO

by Marcos Sergio T. Lopes

Grito até doer minha garganta
Tentando fazer-me ouvir
Nada me acontece
A dor continua ali e adoece
E eu choro sozinho
E sinto frio...
Por que será que tem que ser assim?
Meus braços tão vazios
E essa coisa embolada
Fazendo devassa em mim.
Queria tanto
Nesse nada que existe
Queria que meus sonhos
Deixassem de ser só sonhos.
Entretanto nada me resta
Só um rasgo de pranto me lavando
No isolamento que me consome
Deixando tudo tão oco
Vácuo profundo do tamanho do mundo.
Caminho sozinho
E sozinho volto prá casa
Arrasto-me até meu leito vazio
Nessa coisa nenhuma que nunca me larga.
Assim fecho os olhos nesse frio
Quem sabe essa noite eu consiga sonhar
Expulsar essa solidão tão crua
Até que o dia chegue
E eu volte a ser sozinho de novo.
Eu e meus gritos
Só isso e mais nada.

Marcos Sergio T. Lopes – 28/10/07
-----------------------------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
--------------------------------------------

AUTODESTRUCCIÓN

-Audroc-


Insensatez y vanidad del hombre
que navega los mares con plutonio
sin recordar de Dios, siquiera el nombre,
se abraza en destrucción con el demonio.

Numen turbado por insensato anhelo
del dominio del hombre por el hombre;
pisoteando la ciencia contra el suelo,
en la locura, de que nada asombre.

¡ Si destruyes la casa en la que habitas
has de morar en las tinieblas de la nada
por Imperio y Voluntad Divina...!
---------------------------
AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/
-------------------------------------------------

CABURÉ, PASSARO ASSANHADO

DOUGLAS SKARAMOUCH

(CORÔ)
Xô! Xô! Xô ! caburé
Xô ! XÕ !XÔ! caburé
Pássaro assanhado
que vive a canta triste
em noites enluarada no serrado
Xô! Xô! Xô ! Caburé
Xô! Xô! Xô ! Caburé
Plumado malcriado,
Basta ver mulher
Fica todo assanhado,
Coçando, fica sem parar.
Xô! Xô! Xô ! Caburé
Xô! Xô! Xô ! Caburé
Coça daqui coça ali, coça acô-lá,
Coça por todos os lados.
Seu coçar me deixa irritado
Dai, eu também :
Coço.Daqui coça dali, e da açu-lá!
Com o canto do caburé
Não paro mais de me caçar.
Xô! Xô! Xô ! Caburé
Xô! Xô! Xô ! Caburé
Vá cantar em poutro lugar.

Não é místico
Tão pouco índio pelado
Pessoa feia malcriada
Sou apenas agourenta ave,
que tem mania de coçar
Nas noites quentes de luar .
Diz o caboclo:
“Quô seu piado ,
anuncia, seca longa”.
Coisa feia pro serrado.
EEEEeeeee dai eu choro !? (coro)

Pinga gota, gota pinga , .
Mistura-se cachaça com limão
É a dor miúda da solidão.
Essa coceira inacabada
Não tem jeito não
É o amor estilhaçado do pássaro encantado
Que num fiapo de ilusão
Nada mais restou
A não ser o seu triste piado
Lá no grotão .
EEEEeeeee dai eu choro !? (coro)

Não prometo dias sem dor,
Risos sem sofrimento, sol sem verão
Lua cheia sem poeta sonhador
Mas lhe prometo o caburé,
o pássaro assanhado.
Que perdeu a mulher
EEEEeeee dai eu choro !? (coro)

Obs: Contato com o poeta (066-9629.9783)
Respeite os diretos autorais
----------------------------------------------------

AMOR EM PALAVRAS É UM GRUPO CRIADO PARA UM CONTATO MAIS "DIRETO" COM VOCÊ, PARTICIPE, SE INSCREVA NESSE LINK: http://br.groups.yahoo.com/group/amorempalavras/

-----------------------------------------------